Passo a passo para solicitar um certificado digital!

Você tem um e-commerce e precisa garantir que suas transações sejam seguras aos seus clientes? Você é um advogado e irá atuar com processos eletrônicos? Você é um comerciante e precisa emitir nota fiscal eletrônica? Para todas essas situações, você vai precisar solicitar um certificado digital.

O certificado digital funciona como uma carteira de identidade virtual, permitindo a identificação segura de mensagens e transações realizadas no ambiente on-line. Como tem validade jurídica, a certificação digital permite aplicações que vão desde a assinatura de contratos, realização de operações bancárias, emissão de notas fiscais até a realização de transações comerciais seguras via internet.

O processo de certificação digital utiliza a criptografia, que consiste em um procedimento lógico e matemático que assegura a confidencialidade e a integralidade das informações, além da confirmação da autoria. Por isso, a presença física é dispensada para a prática de diversos atos, garantindo segurança e praticidade, já que não são necessários deslocamentos, agendamentos, filas, entre outras situações.

Se você precisa tirar seu certificado digital, mas não sabe por onde começar, acompanhe esse passo a passo que elaboramos para você!

1º passo: escolher uma Autoridade Certificadora da ICP-Brasil

As Autoridades Certificadoras (“AC”) credenciadas pela Infraestrutura das Chaves Públicas Brasileiras – ICP Brasil são responsáveis pela emissão dos certificados digitais. Essas entidades que ficam responsáveis por associar uma pessoa física ou jurídica a um conjunto de chaves criptográficas que fazem a identificação da pessoa no ambiente on-line. É encontrar uma Autoridade Certificadora aqui ou buscar um Cartório Online que facilita a realização de todo o procedimento.

Os certificados contêm todos os dados on-line do seu titular, tais como nome, número de registro civil, assinatura da entidade certificadora, entre outros. Todos esses dados são previamente detalhados na política de segurança de cada Autoridade Certificadora.

2º passo: solicitar a emissão do certificado

Agora que você já escolheu sua AC, é preciso solicitar em seu respectivo portal na internet a emissão do certificado digital para pessoa física ou jurídica. Existem três tipos de certificados digitais:

Tipo A

Esses são os certificados de assinatura digital e servem para documentos e transações eletrônicas, provando autenticidade e autoria por parte do emissor e garantindo a integridade do documento.

Certificado A1: tem validade de 12 meses e gera um par de chaves para a própria estação de trabalho.

Certificado A3: tem validade de 36 meses e gera um par de chaves para uma mídia criptográfica que pode ser um smartcard ou um tokien, por exemplo.

Certificado A3 para micro e pequenas empresas: tem validade de 18 meses e gera um par de mídias criptográficas, como um tokien ou smartcard.

Tipo S

São certificados que visam ao sigilo e, portanto, referem-se somente à criptografia de dados. Esses certificados, portanto, não expõem o conteúdo.

Tipo T

São certificados de tempo, que permitem identificar a hora e o dia em que foi assinado o documento eletrônico com a identidade do autor.

Para que o certificado seja emitido, é necessário ir pessoalmente até a AC para validar os dados preenchidos on-line. Esse procedimento é agendado e a própria entidade irá orientar sobre os documentos que devem ser apresentados.

3º passo: baixar o certificado

Feito o procedimento, é só baixar o certificado on-line! A AC também irá providenciar todo o suporte técnico, bem como as mídias criptográficas, caso sejam necessárias.

A obtenção da certificação digital é bem simples e por meio dela é possível interagir no ambiente on-line de forma segura e sem riscos de corromper informações ou dados.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre a certificação digital, que tal assinar nossa newsletter? Para saber mais clique aqui.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*